Já estamos entrando o segundo mês de 2017, mas ainda há tempo de fazer este o ano da transformação da identidade visual do seu negócio! Sabemos que tendências passam e que é fundamental que sua identidade seja duradoura, capaz de seguir atual e significativa por um bom período: afinal de contas, é através dela que as pessoas reconhecerão sua loja, seu empreendimento ou serviço. Por isso, a 10BRAVE traz neste post três referências e inspirações para que 2017 seja um ano de novidades. Vamos conferir?

A lógica que vem ganhando força em diferentes áreas do marketing é a humanização das marcas: cada vez mais, o marketing de relacionamento se torna mais necessário e comum entre as empresas. E, nesta corrente, vemos um estilo de marca ganhar destaque: logos com um arzinho artesanal estão conquistando diferentes negócios. Letras cursivas, artes que referenciam o desenho à mão, aquarelas e outros traços delicados estão em alta e prometem permanecer ao longo deste ano.

Outra tendência que chegou e já conquistou negócios de diferentes áreas são as identidades que simulam movimento: o degradê é uma estratégia usual, assim como traços cinéticos. Ambos dão movimento e permitem aplicações variadas, o que é um trunfo quando se deseja ter aplicações para diferentes circunstâncias. Outra estratégia para trazer movimento e exclusividade para logos são as sobreposições, que trazem resultados criativos e diferenciados, especialmente para as marcas que adotam cores em sua composição. No entanto, o arco-íris não vem sendo a inspiração principal dos designers e publicitários: logos em preto e branco estão em alta!

Um estilo que vem ganhando força já há algum tempinho e que promete seguir forte são as marcas compostas por linhas mais finas. Aqui, o objetivo é transmitir o conceito da forma mais simplificada possível, contudo, sem perder a força e a identidade necessárias para que a essência do negócio esteja em destaque. O cuidado principal para composições que seguem esta tendência são as aplicações, que devem ser feitas seguindo à risca o Manual da Marca, evitando assim qualquer distorção ou, principalmente, a perda de detalhes.

O uso do texto como base para logos é uma estratégia promissora, visto que cria uma identidade de caráter atemporal, simplificada e com presença. Fontes em pares ou com efeitos semelhantes aos estêncis são escolhas que estão em alta, assim como composições com letterings ou letterstacking, por exemplo, vão ser vistas muitas vezes em 2017 e nos anos seguintes!

Lembre-se que há infinitas fontes de inspiração para que sua empresa tenha uma identidade visual marcante e inesquecível. Contudo, a base para um processo criativo eficaz deve estar justamente em seu negócio: é ali que podemos perceber quais são os valores que você deseja transmitir, quem você deseja alcançar e qual mensagem você quer enviar. A essência do seu negócio é o segredo para um material gráfico que ultrapasse modismos e seja “a cara” da sua empresa. Para inspirar ainda mais, acesse nosso Pinterest.